62 3324-2440 | 9-92830145

62 9-92830145

Praça das Mães, 14, Centro. Anápolis GO (Dentro da Clínica Cemed)

Acidente Vascular Cerebral (AVC)

Categorias: Dicas de saúde e notícias, Neurologia

O que é AVC e quais são seus subtipos?

O AVC ou AVE (Acidente Vascular Cerebral/Encefálico), popularmente conhecido como derrame cerebral, é uma doença dos vasos cerebrais levando a alterações do fluxo sanguíneo cerebral que provocam sintomas neurológicos súbitos. Pode ser do tipo Isquêmico, quando decorre de uma oclusão/entupimento (AVC isquêmico) de um vaso ou pode ser do tipo Hemorrágico, quando é provocado pelo rompimento de um vaso sanguíneo cerebral.

Os dois tipos de AVC podem provocar diversos sintomas relacionados a alteração da função da região do cérebro que foi afetada, entre eles:

-Alteração de força ou sensiblidade em um ou ambos os lados do corpo.

-Dificuldades para enxergar em um ou ambos os olhos.

-Alterações do sorriso (desvio da rima labial).

-Dificuldades para falar ou compreender e se comunicar.

-Visão dupla ou vertigens súbitas

-Dificuldade para andar ou se equilibrar.

-Dores de cabeça intensas.

-Perda completa ou parcial da consciência.

Quem pode ter um AVC?

Virtualmente qualquer pessoa. Estima-se que 1 a cada 6 pessoas no mundo irão ter um AVC em algum momento da vida. É uma das principais causas de morte e incapacidade no mundo. Estatísticas brasileiras indicam que o AVC é a causa mais frequente de óbito em adultos. Alguns fatores de risco estão relacionados a um maior riscode desenvolver um evento cerebrovascular, entre eles:

-Hipertensão arterial sistêmica

-Tabagismo

-Diabetes.

-Dislipidemia (alterações dos níveis de colesterol).

-Sedentarismo.

-Obesidade.

-Doenças cardíacas como insuficiência cardíaca, arritmias, doenças das válvulas, infarto do miocárdio, doença de chagas afetando o coração.

-Doenças da coagulação sanguínea.

-Ingestão abusiva de álcool ou de outras drogas como a cocaína, anfetaminas, etc.

Como posso evitar um AVC?

A chave para prevenção do AVC é a adesão a um estilo de vida saudável, livre de hábitos como fumar, ingerir bebidas alcoólicas ou sal em excesso e realizar atividades físicas. É importante realizar a rotina de avaliação médica preventiva e o adequado controle de doenças crônicas como a Hipertensão Arterial Sistêmica, Diabetes Mellitus.

O que fazer se suspeitar que uma pessoa está tendo um AVC?

O AVC é uma doença com rápida evolução e deve ser avaliada em unidade hospitalar urgentemente. Nos casos de AVC, cada minuto conta. Então, realize rapidamente o teste SAMU:

Sorria: peça à pessoa que sorria. Caso o sorriso esteja diferente, com a boca apresentando algum desvio, ela pode estar tendo um AVC.

Abrace: peça que a pessoa levante os braços. Caso tenha dificuldades na movimentação dos braços ou de alguma parte do corpo ela pode estar tendo um AVC.

Música: peça para cantar um música. Se a fala esta enrolada ou engraçada ela pode estar tendo um AVC.

Urgência: se qualquer um dos testes mostrou alterações, então ligue para o serviço de urgência SAMU 192.

É possível prevenir o AVC. Passe estas informações adiante e se houver dúvidas, consulte seu neurologista.

 

Nossos Serviços